Após violentar mulher, taradão deixa cair celular no local do crime e é preso na sequencia

O rapaz começou a agredir a vítima com socos, tapas, empurrões contra a parede e pontapés, além de promover um quebra-quebra dentro da casa da vítima.

Reprodução
Divulgação (Foto: Reprodução)

Uma mulher passou por momentos de terror na noite desta sexta-feira (22) em Marechal Cândido Rondon.

Segundo a Polícia Militar, a vítima estava em casa dormindo no sofá, quando um rapaz invadiu sua casa por volta das 23h e tentou violentá-la. Para entrar na residência, o tarado pulou o portão. Já dentro do imóvel, o agressor tentou arrancar a roupa da vítima que dormia no sofá.

Assustada, ela entrou em luta corporal com o rapaz. A vítima disse que o invasor chegou a tocar em suas partes íntimas, mas que não houve conjunção carnal.

Sem conseguir êxito, o rapaz começou a agredir a vítima com socos, tapas, empurrões contra a parede e pontapés, além de promover um quebra-quebra dentro da casa da vítima.

Após as agressões, o rapaz fugiu do local, porém deixou cair seu aparelho de telefone celular, que foi encontrado pela vítima.

Quando os policiais chegaram para atender a ocorrência, um vizinho observava a movimentação momento em que a vítima o reconheceu como o autor da tentativa de estupro. A polícia tentou se aproximar e o suspeito correu para dentro de casa.

Uma irmã do suspeito reconheceu o aparelho celular como sendo de propriedade do suspeito. De imediato foi dado voz de prisão. No momento da prisão, o agressor reagiu a prisão dando trabalho para os policiais que tiveram que usar até spray de pimenta para poder contê-lo.

Vítima e agressor foram encaminhados para a 47ª DRP para os procedimentos cabíveis.

Fonte CGN

Comentários

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internetatravésdo Rádio SAN FM, não reflete aopiniãodeste Portal.